ESSE BLOG NÃO PERTENCE SÓ AO POETA, ELE É DE TODOS NÓS

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

OMBRO DO POETA AMIGO

 
OMBRO DO POETA AMIGO
Espero poder falar algo que te conforte
Como um analgésico para dor d’alma
 Esvaziar os conflitos de sul ao norte
tirar pedra a pedra desse escombro
Como um Buri que te renasce
E dentro desse  se vivencia a calma
O nada encontra o todo
Ser o arauto do suspiro seu
Que cede o consolo do ombro
protagonista de minha prece
Quanto o tudo virá nada
Ao choro de pouca sorte
Tornará gotícula sumida
ser o motivo do sorriso novo
Pelas ondas sonoras do paó
E o calor de ambos troncos
Assume o abraço como passaporte
Trocaremos toques de vida
e vir que não esta só
Tocaremos ao ritmo do rum
Afeto regido pela fé
  ao encontro da felicidade que perdeu
Porei guardiões, mais de um.
Energias de plantão para falar
Direi à palavra que o deixe leve 
aconchego como do roncó
A navegação nesse mar de lagrima
Quero ser, maresias de braço forte
para nosso abraço ser Axé
Ser o vencedor dessa regata
essência que transforma a fauna
E ser a alegria da nova pagina
Sopro da fumaça do dilema
Não jubileu da cara pálida
Um poeta perdido em seu bosque
Sua dor não me deixa de mãos atadas
Permita sua energia buscar o afago
Quando tiver triste, leia o poema.
E lerá sua forma harmônica
  Branda ! Ternura alada!
Deixarei energias de plantão
Saberá com sensibilidade
E vir que tenho a mandar
Que o escrevendo e querendo
De fato se mistura
 Para alegrar seu coração
como uma bela canção
E celebrarmos nossa amizade.
SÉRGIO CUMINO - POETA DE AYRÁ



11 comentários:

  1. Parabéns!
    Muito bonito... adorei sentir na minha alma poeta.

    ResponderExcluir
  2. Meu amigo é exatamente isso.

    Alegra meu coração e faz me ver que é preciso ir
    atrás da felicidade que se perdeu..."

    Obrigada pelo carinho,delicadeza e pelas boas vibrações!

    Beijos no coração e abraços de luz na alma.

    ResponderExcluir
  3. AMADO!neste vasto caminho infinito chamado internet,jamais sonhei encontrar atraves de palavras e vendo seu rosto ,achar tamanho carinho,forma mais sublime de querer bem de uma outra pessoa cuja vista me vê inteira,não so de forma ,mas diforme atraves do som das teclas me comunico com vc,e me destes o mais belo presente feito de carne ,amplo como o infinito ,sua amizade,QUE LINDO!já falei demais ,só me cabe muito mas muito obrigada,como és sensível e profundo,fico feliz de ter-te ,é um prazer quere-te,é meu anjo,lindo anjo cuida-te,e me cuidas também....beijo na alma!

    ResponderExcluir
  4. Há me destes te coração presente imensurável,indescritível ,mobrigada de coração!

    ResponderExcluir
  5. Querido amigo irmão, é muito bom saber que sempre posso contar com seu ombro, com suas palavras sempre sábias e certeiras, indicando a direção, essa coisa que dinheiro nenhum compra nem paga, amizade, união, cumplicidade, não existirá nunca palavras que possam expressar, a gratidão e enorme apreço que tenho por vc... obg...bjsssss

    ResponderExcluir
  6. Você deve mesmo de ser um arauta das envergaduras, sempre me consolo com suas menssagens poeticas, isso traduz " a sua dor não me dixa de mãos atadas"!...rs
    Muito bom!...rsrs...viu, já estou até sorrindo!...rs

    ResponderExcluir
  7. Que bom poder contar com seu ombro amigo...

    ResponderExcluir
  8. OI BOM DIA POETA !ALEGRA MEU CORAÇÃO COM SUAS PALAVRAS VENDO SEU ROSTO ,O SOM DAS TECLAS ME COMUNICO CM VC !VC TEM O DOM DE....BUSCAR LA NO FUNDO DA ALMA .O VERDADEIRO SENTIDODAS PALAVRAS !AMEI....
    PARABENS

    ResponderExcluir
  9. Bom dia! Poeta querido!
    Nunca tive alguém que sem me conhecer,me desse O OMBRO AMIGO,e minha absoluta verdade, Meu verdadeiro pensamento, O meu conforto nas horas de angustia,seus poemas não me deixão só.
    Poemas que dilacera no fundo da minha alma,que estremesse meu corpo, que são marcantes,e o que é marcante nunca se esquece!
    Obrigada por tudo que escreve.

    ResponderExcluir
  10. MAIS UMA VEZ OBRIGADA MEU POETA!
    VOCÊ,PIGMALEÃO,INFUNDE VIDA E SOPRA NOVO ALENTO.
    DESFAZENDO MÁGOAS, APONTA NOVOS RUMOS... CAMINHEMOS POIS, HARMONIOSA E SIMBIOTICAMENTE.

    ResponderExcluir